Hopi Hari ganha novo dono e promete novidades para 2017


O Hopi Hari S.A. informa que em 29 de dezembro de 2016 seu acionista controlador, Luciano Correa, celebrou contrato de compra e venda de ações de emissão da HH Participações S.A. controladora do Hopi Hari, pelo qual alienou 75% da totalidade das ações e o controle da HH Participações a José Luiz Abdalla, empresário do setor imobiliário, formando bloco de controle regulado por Acordo de Acionistas.

O Conselho de Administração passa a ser constituído pelos Srs. José Luiz Abdalla, Presidente do Conselho, e pelos Conselheiros Srs. Cesar Armenio Worms Gomes Santos e Luciano Correa.

A Operação é um passo importante no plano de capitalização e reposicionamento do Hopi Hari, o qual, somado à restruturação dos passivos dentro do plano de recuperação judicial, que se encontra em andamento, resultará em uma companhia forte sob nova liderança, com novo balanço patrimonial, capacidade técnica e financeira que propiciará a implementação de seu plano de investimentos.  O parque será a âncora do novo projeto da Companhia que prevê a implantação do complexo hoteleiro com 1.200 apartamentos dotado da mais completa estrutura de lazer e importante centro de convenções, eventos e exposições.

O plano de investimento contempla o aumento da disponibilidade operacional das 44 atrações de nossas 5 áreas temáticas, na adequação e conclusão do contrato de licenciamento de personagens Warner Brothers, o aprimoramento no atendimento aos 1,5 milhão de visitantes que recebemos anualmente, aumento e redirecionamento da experiência no parque, que será complementada pelo lançamento de um calendário de shows e eventos semanais ao ar livre, que prevê a presença dos mais renomados artistas dos diversos estilos musicais e propiciará a plena utilização de nossa infraestrutura, a mais completa do Brasil, que nos permite atender até 3,0 milhões de visitantes anualmente.

A Companhia irá trabalhar intensamente para desenvolver o Hopi Hari como destino turístico para famílias e jovens-adultos, buscando atender plenamente todas as suas expectativas, alavancando a infraestrutura da região de Campinas, Vinhedo e Itupeva, onde está localizado o parque e o Aeroporto Internacional de Viracopos, atendendo ainda, em função de sua excepcional localização, o Estado de São Paulo e o Brasil.

5 de janeiro de 2017
Categorias:

Montanha-russa de 10 inversões tem nova previsão de inauguração


Em nota divulgada neste sábado (26) o Hopi Hari reafirmou a compra de volta de sua montanha-russa de 10 inversões e já estipula previsão de inauguração. Confira documento completo:

Hopi Hari S.A. – em Recuperação Judicial (“Companhia”) informa ao mercado que em atenção ao Instrumento Particular de Opção de Compra (“Opção de Compra”) da Montanha Russa “10-Inversion Roller Coaster” de fabricação da INTAMIN Amusement Rides (“Montanha Russa 10 Inversões”), formalizou na data de 24 de novembro de 2016 o cumprimento do Exercício da Opção de Compra, através da inclusão do valor do crédito pelo preço da opção com data base de 26 de agosto de 2016 na Lista de Credores da Recuperação Judicial da Companhia.

Nos termos da Lei 11.101/95, os credores sujeitos à recuperação judicial são aqueles existentes (vencidos ou vincendos) na data do pedido inicial da Recuperação Judicial (caput do art. 49 da Lei) e que “as obrigações anteriores a recuperação judicial observarão as condições originalmente contratadas ou definidas em lei, inclusive no que diz respeito aos encargos, salvo se de modo diverso ficar estabelecido no plano de recuperação judicial”.

Esta é a maior e mais nova Montanha Russa no Brasil. A operação da Montanha Russa 10 Inversões está contemplada na estratégia da recuperação da Companhia, como já informado nos autos da recuperação judicial, contribuindo para viabilizar a atração de investidores no negócio. A Montanha Russa 10 Inversões cumpre um papel fundamental na manutenção da fonte produtora, no emprego dos mais de 350 trabalhadores diretos e 600 indiretos, e no interesse dos credores para que recebam seus créditos nos termos a serem discutidos e aprovados pela maioria dos credores quando da apresentação do Plano de Recuperação, promovendo assim, a preservação da função social da Companhia e o estímulo à atividade econômica.

A Companhia acredita que a operação da Montanha Russa 10 Inversões aumentará o número de visitantes no parque e em todo o Pólo Turístico Serra Azul, composto do Hopi Hari, parque aquático, hotel, e shopping center outlet, beneficiando a geração de empregos em toda a Região Metropolitana de Campinas, Jundiaí, Vinhedo, Valinhos e Itupeva, em um momento no qual a sociedade pede que as
empresas contribuam com investimentos para a recuperação da atividade econômica. É importante para o setor de turismo que a Montanha Russa 10 Inversões entre em operação e gere empregos aqui em nosso país.

A Companhia tomará todas as providências legais e técnicas para concluir a instalação da Montanha Russa 10 Inversões e sua inauguração tem previsão para Julho de 2017.
26 de novembro de 2016

REVIRAVOLTA: Hopi Hari negocia retomada da montanha-russa 10i


Três semanas após termos anunciado aqui no Hopi Hari Mania que a tão prometida montanha-russa de 10 inversões do Hopi Hari teria sido negociada para operar num parque na Malásia, o caso tem uma reviravolta:

O Hopi Hari, que está em recuperação judicial, informou hoje que vai exercer sua opção de compra da montanha-russa “10 Inversions Roller Coaster” do fabricante Intamin Amusement Rides. A aquisição será feita por meio da inclusão do valor do crédito pelo preço da opção com data-base de 26 de agosto na lista de credores. O Hopi Hari não informou valores financeiros. 

O Hopi Hari afirma ainda que a operação da montanha-russa faz parte de sua estratégia de recuperação, “contribuindo para viabilizar a atração de investidores no negócio”.

As informações são do Valor Econômico.

Enquanto isso o Hopi Hari já promete através do Facebook a atração para a temporada de 2017:


25 de novembro de 2016

Nova montanha-russa do Hopi Hari é vendida e deixará o Brasil



A tão prometida nova montanha-russa de 10 inversões que está aguardando montagem desde 2011 no Hopi Hari não terá um final feliz - pelo menos para os brasileiros. Após muitas negociações, no início de setembro foi definido que ela deixará o Brasil e seguirá direto para o outro lado do oceano: na Malásia. As informações são da edição novembro/dezembro 2016 da revista Parkworld.


Confira a tradução:

"Montanha-russa do Hopi Hari abrirá finalmente... na Malásia!

Há apenas alguns meses da inauguração, o parque Malaysia's Movie Animation Park Studios (MAPS) adquiriu uma montanha-russa de 10 inversões - similar a da foto ao lado. O equipamento da Intamin foi originalmente enviado ao Hopi Hari em São Paulo, Brasil, mas nunca construído. Graças a uma negociação feita pela Interlink no Reino Unido, a montanha-russa ganhará uma nova casa no MAPS. Localizado na cidade de Ipoh, os 52 acres do parque, pertencente a Sanderson, está previsto para abrir no próximo mês, com áreas dedicadas a animações como Os Smurfs, Gasparzinho, Megamente, As Aventuras de Peabody e Sherman e Boboiboy. Prevê-se que a montanha-russa será aberta em uma data posterior."

Clique aqui e confira a matéria original.

Montanha-russa não pertence ao Hopi Hari desde 2014

Segundo a ata de uma assembléia realizada em 23 de dezembro de 2014, a montanha-russa foi repassada ao empresário César Augusto Federmann como forma de pagamento de uma dívida milionária. Em troca foi celebrado um acordo de locação do equipamento, ou seja: por mais que a montanha-russa não pertencesse mais ao parque, ela poderia ser montada e aberta ao público desde que seguido obrigações previstas por contrato - o que não aconteceu.

Após alegar descumprimento do contrato por parte do Hopi Hari, César acionou a justiça e conseguiu no último mês de julho o direito de remover o equipamento do parque. As peças foram posteriormente armazenadas nas dependências do Shopping SerrAzul (ao lado do parque) - na qual o empresário é diretor - abrindo a possibilidade de negociações com outros parques.


Montanha-russa foi retirada do parque em julho/2016

Nova atração fazia parte de um pacote de investimento de R$ 150 milhões

A nova montanha-russa foi anunciada em outubro de 2011 na ABAV - Feira das Américas, Rio de Janeiro, como parte de um pacote de investimento de R$ 150 milhões que além dela incluía a revitalização do parque através da reforma de duas áreas temáticas - Infantasia e Aribabiba - baseado num contrato de licenciamento com a Warner Bros. Consumer Products.

As primeiras peças chegaram ao parque em dezembro daquele mesmo ano e o Hopi Hari Mania mostrou elas ao Brasil em primeira mão. A primeira previsão de inauguração era para abril de 2012 na área temática de Wild West. A montanha-russa foi fabricada pela Intamin (Suíça) - uma das maiores fabricantes de atrações para parques no mundo - com exclusividade para o Hopi Hari e seria a primeira montanha-russa de 10 inversões segunda geração da fabricante.

Ilustração feita exclusivamente para o projeto do Hopi Hari




Obras no terreno que abrigaria a montanha-russa, em 2012

Novamente o Hopi Hari inauguraria uma atração recordista: a montanha-russa com o maior número de inversões (loopings) do mundo. Lembrando que a Montezum também foi destaque quando inaugurada, considerada a quinta maior montanha-russa de madeira do mundo na época.

Especificações da 10 inversões Modelo 2012:

- Trilhos de aço;
- Atinge velocidade máxima de 86 km/h;
- A primeira subida é feita de uma altura de 33 metros;
- Grau de subida: 30 graus;
- Grau de descida: 45 graus;
- O percurso de 875 metros;
- Tempo de passeio: 140 segundos (2'20);
- Atração funciona com 2 trens.

Novidades no modelo de 2012 da nova montanha-russa de 10 inversões que diferenciam dos modelos antigos da "10 inversion" presentes no mundo e inferiores ("8 inversion"):

- Nova descida imediata curvada;
- Trilhos triangulares em quase todo o percurso, menos entre o loop e cobra roll;
- Trilhos mais largos com 90 cm;
- Suportes retangulares;
- Lift (subida) por sistema de cabo de aço com velocidade a 20 km/h em uma altura de 33 metros;
- Novo modelo de trens com o novo tipo de travas da Intamin.

Projeto da montanha-russa recriado em simulador para o Hopi Hari Mania


Vídeo demonstração:

Recorde com dias contados

A nova montanha-russa do Hopi Hari, considerada recordista mundial pelo número de inversões, perdeu seu título antes mesmo de ser inaugurada. Em maio de 2013 o parque Alton Towers, na Inglaterra, inaugurou a montanha-russa The Smiler com nada menos que 14 inversões - quatro a mais que a do Hopi Hari - com um layout ambicioso fabricado pela concorrente da Intamin: a Gerstlauer (Alemanha). Lembrando que caso inaugurada a tempo a atração do Hopi Hari teria o recorde dividido com mais outros 3 parques ao redor do mundo, que já possuíam montanha-russas semelhantes.

O Hopi Hari Mania foi até a Inglaterra na época conferir a nova montanha-russa de 14 inversões. Confira algumas fotos:

Montanha-russa de 14 inversões no Alton Towers, Inglaterra

Final não tão feliz

A novidade do Hopi Hari seria uma das atrações mais importantes do parque e desempenharia um importante fator de alavancagem da visitação e receita da companhia. Porém finalmente, após 5 anos de espera, a história da nova montanha-russa do Hopi Hari está chegando ao fim sem um final feliz para os fãs do parque e os brasileiros amantes de adrenalina.

O que nos resta agora é aguardar um futuro promissor ao país mais divertido do mundo e que haja novas oportunidades do Hopi Hari nos presentear com uma nova atração um dia.

Nova Montanha-Russa - Hopi Hari

Texto: Hopi Hari Mania.

Nossas redes sociais:
Facebook: /hopiharimania
Twitter: @hopiharimania
Instagram: @hopiharimania
5 de novembro de 2016

© 2008-2017 Hopi Hari Mania é um fã-site independente. O conteúdo aqui publicado não necessariamente reflete a opinião da marca Hopi Hari.